segunda-feira, 21 de novembro de 2016

VOCÊ SABIA?
QUE DEVEMOS AMAR A
  DEUS E A IGREJA DELE?
Porque zelo por vós com zelo de Deus; visto que vos tenho preparado para vos apresentar como virgem pura a um só esposo, que é Cristo.” II Coríntios 11.2 – (ARA)
Como é difícil em nossos dias encontrar pessoas que realmente se dedicam ao exame e a interpretação correta das Escrituras Sagradas.
O velho testamento é interpretado pelos evangelhos e os evangelhos pelas cartas, lógico que tudo é a Palavra de Deus, porém precisa-se de uma hermenêutica para que os textos sejam vistos à luz de toda a revelação de Deus.
Amar a Deus e a igreja Dele não é opcional. Toda pessoa que declara verdadeiramente a sua fé precisa, de fato, seguir as orientações dadas à igreja Dele.
Não basta apenas falar que tem fé em Deus, é imperativo viver na prática toda instrução bíblica, e, de forma específica, as cartas, o livro de Atos, que é o início da história da igreja.
A nossa declaração de fé em Deus se apresentará em posturas e comportamentos que tivermos com a igreja Dele: o valor que damos aos cultos, os ensinamentos, o testemunho na sociedade, o respeito à liderança constituída, etc.
Veja o que Jesus disse da igreja Dele: “... e as portas do inferno não prevalecerão contra ela.” Mateus 16.18 - ARA
Ninguém tem o direito de prejudicar a igreja de Deus: “Vivam de tal maneira que não prejudiquem os judeus, nem os não-judeus, nem a Igreja de Deus.” I Coríntios 10.32 – NTLH
Ainda em I Timóteo 3.15 “... esta carta vai lhe dizer como devemos agir na família de Deus, que é a Igreja do Deus vivo, a qual é a coluna e o alicerce da verdade.” NTLH
Quero desafiá-lo a rever os ensinamentos contidos nas cartas às igrejas e tomar a decisão de vivê-los. Lembre-se: QUE DEVEMOS AMAR A DEUS E A IGREJA DELE!

Escrito pelo Pr. Aparecido Fernandes, da Igreja Batista Sinai
Estrada do Sabão, 353 – Jd. Maristela – SP.

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

VOCÊ SABIA?
QUE PODEMOS SUPERAR
A DOR E O LUTO?

“Ainda por um pouco, e o mundo não me verá mais; vós, porém, me vereis; porque eu vivo, vós também vivereis.
João 14.19 – (ARA)

Dia de finados: milhões e milhões de brasileiros irão ao cemitério para colocar sobre o túmulo de uma pessoa amada, uma flor ou até mesmo um ramalhete.
Quando perdemos um ente querido, a dor que se sente pela perda é, de fato muito grande. A ausência da pessoa ao nosso lado, a lembrança dos seus gestos, do seu modo de falar e de ser, tudo faz com que a gente sofra, não é mesmo?
A morte, com a qual todos, teremos de lidar, existe como conseqüência do pecado. Diz a Bíblia que: “o salário do pecado é a morte” (Romanos 6.23). Todos, um dia, morrerão. Também você e eu. No entanto, apesar de estarmos condenados a morte, não podemos esquecer de que ela não poderá nos prender para sempre. Jesus, o Filho de Deus, veio ao mundo para vencê-la. E Ele a venceu, ao ressuscitar ao terceiro dia.
Para superar a dor e o luto só existe um remédio: crer e confiar no Salvador Jesus que venceu a morte. É preciso aceitar o consolo que Deus nos dá com a ressurreição de Seu próprio Filho, que nos garante: “Eu vivo, vós também vivereis” (João 14.19). É só isso que pode lhe ajudar nos momentos de sofrimento, causados pela perda de um parente ou de um amigo muito chegado.
 Por isso, creia no Senhor Jesus Cristo, que prometeu  
 ressuscitar os que morreram  confiando Nele, 
console- se na certeza de que 
Ele venceu a morte por você!

Escrito pelo Pr. Aparecido Fernandes, da Igreja Batista Sinai
Estrada do Sabão, 353 – Jd. Maristela – SP.

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

VOCÊ SABIA?
QUE DEVEMOS DESPERTAR A PESSOA
CANSADA QUE ESTÁ DENTRO DE NÓS?

A Bíblia diz: “mas os que confiam no SENHOR recebem sempre novas forças. Voam nas alturas como águias, correm e não perdem as forças, andam e não se cansam.” Isaias 40.31 – (NTLH)

Tenho visto pessoas ainda jovens, de várias idades, dos 18 aos 60 anos, que parecem ter desistido de lutar, de acreditar, desistido principalmente de querer. Não deixe isso acontecer com você.
É preciso voltar a acreditar, voltar a querer e agir para que as coisas dêem certas. É preciso voltar acreditar na capacidade de fazer as coisas acontecerem. É preciso acordar, despertar, ressuscitar, acreditar na vida.
Vá em frente, volte a acreditar e principalmente a fazer as coisas acontecerem pelo esforço e persistência.
Preste mais atenção nas pessoas que trabalham e são animadas. Esses devem ser nossos exemplos. Do contrário, estaremos vivendo como mortos-vivos, sem esperança, sem vontade de vencer. Não deixe isso acontecer com você.
Acredite que você foi criado para ser feliz e bem sucedido. Acredite que através de sua vida o mundo será cada dia melhor.
A Bíblia diz: “Com a força que Cristo me dá, posso enfrentar qualquer situação.” Filipenses 4.13 – (NTLH)
Entregue-se totalmente a Jesus Cristo. Convide-o a ser o Salvador e Senhor de sua vida.
Lembre-se que DEVEMOS DESPERTAR A PESSOA CANSADA QUE ESTÁ DENTRO DE NÓS!

Escrito pelo Pr. Aparecido Fernandes, da Igreja Batista Sinai
Estrada do Sabão, 353 – Jd. Maristela – SP.

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

VOCÊ SABIA?
QUE O FUTURO DAS CRIANÇAS
DEPENDE DOS ADULTOS DE HOJE?

“Eu lhe disse que ia castigar a sua família para sempre porque os seus filhos disseram coisas más contra mim. Eli sabia que eu ia fazer isso, mas não os fez parar.” - I Samuel 3.13 – (NTLH)

É impressionante a dificuldade que estamos enfrentando em nossos dias acerca dos limites que precisam ser estabelecidos para as crianças.
Um futuro melhor para as nossas crianças irá depender, em sua grande maioria, das atitudes dos adultos de hoje.
Cabe aos adultos não só viverem na prática de um bom exemplo de vida como também ensinar as crianças quanto aos limites que elas precisam ter para uma vida saudável.
Se não vigiarmos as coisas que estamos praticando, certamente elas estarão aprendendo através dos nossos comportamentos.
Às vezes permitimos que as crianças façam coisas que poderão escravizá-las num futuro muito próximo. Exemplo: vídeos, filmes, celulares, internet, tv, personagens, etc.
É preciso que os limites sejam impostos com firmeza, acompanhado de um bom exemplo praticado pelos pais e aqueles que estão mais próximos.
As crianças agem como “esponjinhas”, absorvem todo tipo de informação. O texto acima fala de um pai que NÃO soube impor limites aos seus filhos e a conseqüência foi trágica. Você não deseja que isso aconteça com seus filhos, certo?
Então reflita, que: O FUTURO DAS CRIANÇAS DEPENDE DOS ADULTOS DE HOJE!

Escrito pelo Pr. Aparecido Fernandes, da Igreja Batista Sinai
Estrada do Sabão, 353 – Jd. Maristela – SP.

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

VOCÊ SABIA?
QUE O CULTO CRISTÃO
 É DIRECIONADO A DEUS?
Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.
João 4.24 – (ACF)
Para tratar do assunto em referência, precisamos considerar inicialmente a etimologia da palavra Culto. Vejamos então que segundo o dicionário de língua portuguesa Aurélio é: Adoração, homenagem, veneração e reverência.
Passemos agora a considerar o culto cristão. Cristo, o Salvador de nossas vidas, é que deve ser cultuado.
Ele, Cristo, é quem pagou o preço pelos nossos pecados, portanto Ele é o caminho para Deus. Ele mesmo disse: Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim..” João 14.6 – (ACF)
Não podemos adorar a Deus sem passar por Jesus. Os não-convertidos não adoram a Deus, pois a primeira ação de um adorador de Deus é entregar-se a Jesus.
Os adoradores de Deus o fazem em nome de Jesus, pois só por Ele é possível chegar-se a Deus. A Bíblia diz: “Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos dias pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo.” Mais E outra vez, quando introduz no mundo o primogênito, diz: E todos os anjos de Deus o adorem. Hebreus 1.1-2,6 – (ACF)
O Culto a Deus precisa ser Cristocêntrico e não antropocêntrico. A criatura deverá adorar ao Criador pela prova de amor do Criador em benefício da criatura. A adoração não pode ser ao homem, à criatura, pois assim sendo torna-se idolatria e, que é ABOMINAÇÃO ao Criador.

QUE TIPO DE ADORADOR VOCÊ TEM SIDO?
CRISTOCÊNTRICO OU ANTROPOCÊNTRICO?

Escrito pelo Pr. Aparecido Fernandes, da Igreja Batista Sinai
Estrada do Sabão, 353 – Jd. Maristela – SP.

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

VOCÊ SABIA?
QUE RECLAMAR PIORA AS COISAS?

“Hospedem uns aos outros, sem reclamar.”
 I Pedro 4.9 – (NTLH) 
Tem gente que não percebe que viver reclamando só serve para piorar as coisas.
pessoas que vivem reclamando de tudo, com uma visão negativa das coisas. Essas pessoas só conseguem ver defeitos, erros, encontrando motivos para reclamar de tudo e de todos.
A Bíblia diz: “Quem vive pensando e dizendo coisas más não pode esperar nada de bom, mas só a desgraça.” Provérbios 17.20 - (NTLH)
Na carta de Paulo a igreja dos Filipenses, 2.14 ele acrescenta: “Façam tudo sem queixas nem discussões”. (NTLH)
Como você é? Será que você não adquiriu um verdadeiro “vício” de reclamar de tudo e de todos? Será que você não adquiriu o mau hábito de falar mal de sua Igreja, de seus irmãos, de seu pastor, de sua família, do seu patrão, do seu vizinho, enfim, de tudo e de todos?
Mude enquanto é tempo. Seja sincero com a sua própria consciência e veja que há muitas coisas positivas ao seu redor, sua família, amigos todos são uma benção em sua vida. Agradeça a Deus pelas pessoas que estão ao seu lado, lembre-se que:
RECLAMAR PIORA AS COISAS!

Escrito pelo Pr. Aparecido Fernandes, da Igreja Batista Sinai
Estrada do Sabão, 353 – Jd. Maristela – SP.



segunda-feira, 5 de setembro de 2016

VOCÊ SABIA?
QUE LIDERAR É REMAR
NO PORÃO DO NAVIO?
“Assim, pois, importa que os homens nos considerem como ministros de Cristo e despenseiros dos mistérios de Deus.” I Coríntios 4.1 – (ARA)
A palavra traduzida como “ministro” é, na verdade, do grego, “huperetes”, que aplicava-se originalmente a um remador que remava no grupo de remos da parte de baixo de um grande navio.
O trabalho anônimo, muitas vezes, sob chicotes, é uma das características de uma liderança fiel. O apóstolo Paulo nos mostra que a liderança não é uma situação de onde nos advém vantagens, mas sim uma situação que nos exige sacrifícios e negação do próprio EU.
Pessoas que aspiram a liderança para exercer poder sobre outros ainda não entenderam seu verdadeiro sentido.
Aqueles que planejam assumir responsabilidades e só esperam desfrutar das “mordomias”, não são adequados para a Igreja de Cristo. Furar filas, dar nomes à praças, ser admirado e respeitado não é, por certo, o alvo do exercício da liderança cristã.
Veja o que Jesus disse: “... Sabeis que os governadores dos povos os dominam e que os maiorais exercem autoridade sobre eles. Não é assim entre vós; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva; e quem quiser ser o primeiro entre vós será vosso servo;” Mateus 20.25-27 – RA.
O remo é a posição menos confortável do barco, mas é a que faz o barco se movimentar. As pessoas a quem Deus chamou para liderar precisam estar cientes que: LIDERAR É REMAR NO PORÃO DO NAVIO!

Escrito pelo Pr. Aparecido Fernandes, da Igreja Batista Sinai
Estrada do Sabão, 353 – Jd. Maristela – SP.